O Principe Alegre

Histórias canalhas

February 25, 2021

Untitled

Te olharei varias vezes
e você?
se achará o máximo…
pois é assim que quero.
Pedirei um cigarro quando voce se despedir de seus amigos.
Lhe sorrirei
e você, sorrirá pra sí.
Então vou dar um tapa na tua cara
com toda a força que tenho
E durante seu acesso de raiva e desorientação,
lhe beijarei os labios sem pressa.
E provarei que amor proprio e tesão não andam juntos
Voce vai ceder
voce vai ceder que eu sei
voce vai ceder porque eu quero.


Untitled

Seus dentes e cabelos escuros
me atraem
junto com sua pele e bunda murxa
taro foda no seu carro
taro
taro uma foda no seu cu
com seus peitinhos amassados
em cima da mesa fria.

peno todo o resto


Untitled

Nós por aqui
E ela de lá, também
Me conhece pouco, sei
E eu, ela bem.
Unhas feitas
Só o dedo médio da mão direita não.
Rímel finíssimo
Resalta seus olhos que brilham
Sua idade me intima
E me atrai para tirar a calça velha e surrada
Das pernas magras.
Reparo no seu cabelo bagunçado por natureza
E seu buço incolor
Fragilidade disfarçada
E eu que nunca mais falei de amor


Untitled

Um tanto distante de seus dias de glória
meu tesão, amor platônico de jovem
quando falo me caçoam
mas sim, ela era quente
ser alfinetado por ela
era motivo de orgulho
A questão do tempo é curiosa
mas não vou entrar no mérito.
E bom,
O tempo passa
seu corpo briga com a gravidade
o sorriso briga com a gravidade
os olhos perderam essa briga.
Flertamos ainda,
Flertamos
por costume.
ela sempre vai ser estar no meu pedestal
e eu sempre vou ser seu garotão
Atenciosa
abria a porta para mim
para que voltasse
Superstição engraçada,
E funcionou
Flertamos ainda
ela sabe o quão sexy já foi
e eu quão atletico fui
trabalhamos com esteriotipos
e qualquer coisa diferente disso
que se ponha da porta pra fora.


Senhora fê

Ela no auge de sua experiencia
queria ter minha idade
enquanto que eu, no auge da minha idade
queria ter ela na cama


Textos e notas por aqui e por ali.